Rádio Filhos de Davi / jardim-ms

Viciada é libertada após oração de cristãs e se torna evangelista em favelas

Viciada é libertada após oração de cristãs e se torna evangelista em favelas

Fabiana Lima, de Natal (RN), teve uma adolescência muito difícil e já estava fadada a ter a vida destruída pelas drogas, até ser resgatada por Jesus, que lhe deu esperança e uma nova vida.

A mulher nasceu em uma família humilde e teve que conviver com a mãe alcoólatra, que a colocou em perigo diversas vezes.

“Quando tinha 12 anos, meu pai resolveu se separar da minha mãe. Ela passou a beber e trazer muitos homens para casa, algumas vezes eu acordava com aquele indivíduo tentando me estuprar, mesmo assim eu não tinha coragem de deixar minha mãe”, contou Fabiana, em entrevista ao Site Mulher Cristã.

A adolescente começou a passar fome em casa e pediu para morar com sua avó, que a aceitou, porém não cuidou bem dela.

“Aos 14, senti falta de ter como qualquer adolescente, materiais de higiene pessoal, roupas. E comecei a ver minhas colegas na escola com bons sapatos e boas roupas, e eu tinha que esperar meu tio dormir para pegar a calça dele para ir à escola. Além disso, eu só comia o que sobrava”, revelou ela.

Se sentindo rejeitada pela avó e pelo pai, Fabiana recorreu às drogas e ao crime para lidar com a falta de amor da família.

“Ouvi que eu não conseguiria chegar a lugar algum. Logo eu comecei a roubar e a me drogar. Aos 15 anos, eu estava me prostituindo e, com isso, engravidei. Porém, minha tia me ajudou e eu fiz um aborto quando estava com seis meses de gravidez”, confessou.

Nos anos seguintes, a situação de Fabiana piorou. “Aos 17, me casei e continuava a frequentar festas e a me drogar, até que engravidei novamente e tive uma linda menina chamada Ana Beatriz. Minha filha sofreu muito, eu era muito violenta e me envolvia com brigas de rua, torcida organizada e minha família sofria muito. Certo dia fui presa por brigas em uma casa de show”, lembrou ela.

Conhecendo Jesus

Quando a mulher tinha 24 anos foi evangelizada por uma vizinha cristã, que a levou à igreja Assembleia de Deus em Natal.

“Chegando lá, ouvi o Senhor falar ao meu coração, não suportei o toque do Espírito Santo e aceitei Jesus como meu Salvador”, testemunhou.

Com ajuda de sua discipuladora e da oração, Fabiana batalhou contra o vício em drogas e passou por uma transformação.

“Deus começou o processo de novo nascimento em mim, e aos poucos eu fui deixando as velhas práticas e me convertendo. Passei pelo batismo em águas, e logo em seguida fui batizada no Espírito Santo”, comentou a mulher.

Dois anos depois, Fabiana passou por uma tentação e não resistiu. “Infelizmente, voltei a me drogar, passei uma semana sem ir à igreja e já estava indo comprar drogas nas bocas de fumo”, disse.

Comissão de Visita

Mas, as mulheres de sua igreja não desistiram de ajudar a viciada e fizeram uma visita em sua casa.

“Chegou na minha casa uma comitiva da comissão de visita, fiquei super sem graça porque a casa estava cheia de fumaça e o cheiro das drogas era sentido por todos. Mesmo assim, abri o portão e permiti que as irmãs entrassem”, relatou ela.

Até que uma das mulheres recebeu uma palavra de conhecimento sobre Fabiana e orou por libertação.

“Começou a orar, ali eu caí. Quando terminou a oração, eu levantei como se não tivesse fumado nada, estava em sã consciência, e Deus falou que tinha me libertado naquele momento para que fosse às favelas, becos e vielas pregar o Evangelho da Salvação”, afirmou.

A partir daquele dia, Fabiana teve a vida restaurada por Deus, incluindo sua família e carreira profissional.

Hoje, a ex-viciada ajuda pessoas que estão na mesma situação que um dia ela esteve. 

“Atendi ao meu chamado e evangelizo nas favelas, becos e vielas, também sou professora da Escola Dominical”, disse. E declarou: “Minha vida não foi fácil, mas até aqui me ajudou o Senhor!”.

NOTÍCIAS MAIS LIDAS